domingo, 21 de julho de 2013

[Crítica] Ender's Game, de Orson Scott Card

Ender's Game (Ender's Saga, #1)Ender's Game by Orson Scott Card
My rating: 2 of 5 stars

★★☆☆☆

Sinopse:
Once Again, Earth is under attack. An alien species is poised for a front assault. The survival of humanity depends on a military genius who can defeat the aliens.

But who?

Ender Wiggin. Brilliant. Ruthless. Cunning. A tactical and strategic master. And a child.

Recruited for military training by the world government, Ender's childhood ends the moment he enters his new home: Battle School. Among the elite recruits Ender proves himself to be a genius among geniuses. In simulated war games he excels. But is the pressure and loneliness taking its toll on Ender? Simulations are one thing. How will Ender perform in real combat conditions? After all, Battle School is just a game.

Right?
Fonte

Opinião:
Resolvi ler este livro por saber que vai estrear um filme baseado no mesmo.
Vi o trailer e pareceu-me interessante o suficiente (com um elenco excelente), apesar de não ser grande fã de sci-fi. Confesso que não tinha muitas expectativas, mas tinha algumas e o livro deixou muito a desejar...

Em primeiro lugar, não são jovens que tripulam a Battle School (como no filme), mas sim crianças pequenas (entenda-se por pequenas, 6/7 anos, como é o caso do protagonista). O que em si já é um disparate...
Existe muita violência (física e verbal), jogos psicológicos, etc. entre as crianças. Nada apropriado,a meu ver - SPOILER por exemplo, o pequeno psicopata do irmão do Ender, o Peter, com 12 anos diz, calmamente, à irmã de 10 anos que já pensou várias vezes em matá-la e em como o faria... que seria muito fácil, que pareceria um acidente... Ora, poupem-me! O que é isto?!? FIM DE SPOILER
Outra coisa que não me fez sentido nenhum neste livro. Não me interessa se é tudo muito futurístico e se as crianças são mais desenvolvidas ou se são especiais ou quê... nenhuma criança de 6/7 anos tem o raciocínio e o discurso adulto que estas personagens apresentam. Miúdos de 10 e 12 anos com grandes diálogos a dizerem que querem começar uma guerra política ou coisa do género... -.-'

Houve também cenas que me deixaram um pouco chocadas - por exemplo, o Ender e as outras crianças andarem completamente nuas nas camaratas onde dormem e com comportamente estilo "brave little soldier", a portarem-se muito bem, muito adultos...

Foram esses os tópicos que mais me chocaram e me fizeram perder interesse no livro.
O livro em si, não é nada por aí além... o enredo e as personagens deixam muito a desejar...

Não terminei porque, francamente, para além de não me estar a interessar nada, já me estava a enervar. Vou ver o filme quando sair em DVD. Pode ser que me surpreenda com o fim.
Dúvido muito que volte a pegar neste livro. It's not my cup of tea.

Ver outras críticas

2 comentários:

  1. Já tinha ouvido falar muito bem do livro mas nem sabia do que se trata. Eu gosto de Sci-fi mas crianças de 6 anos como protagonistas é demasiado estranho:/ Beijos

    ResponderEliminar
  2. Pois, também eu ouvi falar muito bem deste livro e, como o trailer bem pareceu muito bem, resolvi lê-lo. E, confesso que o início do livro até foi interessante, mas assim que me apercebo que são crianças pequenas e começo a contextualizar os diálogos e as acções das personagens... esqueçe! Já não foi a mesma coisa...
    Mas, mesmo tirando esse facto, o livro não foi grande coisa. É demasiado sci-fi para mim. Não sou grande fã... :P

    ResponderEliminar