sábado, 18 de maio de 2013

[Crítica] Clockwork Princess, de Cassandra Clare

Clockwork Princess (The Infernal Devices, #3)Clockwork Princess by Cassandra Clare
My rating: 3 of 5 stars

★★★☆☆ {2.5/3}


Sinopse:
Danger and betrayal, secrets and enchantment in the breathtaking conclusion to the Infernal Devices trilogy.

Tessa Gray should be happy - aren't all brides happy?
Yet as she prepares for her wedding, a net of shadows begins to tighten around the Shadowhunters of the London Institute.
A new demon appears, one linked by blood and secrecy to Mortmain, the man who plans to use his army of pitiless automatons, the Infernal Devices, to destroy the Shadowhunters. Mortmain needs only one last item to complete his plan. He needs Tessa. And Jem and Will, the boys who lay equal claim to Tessa's heart, will do anything to save her.
Fonte

Opinião:
Foi melhor que os livros anteriores. Gostei, mas mesmo assim não achei nada de especial. Talvez porque já estou completamente farta do Universo Shadowhunter. É o mais provável.

A autora precisa de parar com os livros, com estas sagas com o mesmo tema e, sem duvida, deve sossegar os triângulos amorosos e situações do género. Já enjooa... Enough is enough, querida... Não vejo a hora das sagas Shadowhunter acabarem. Gostei dos primeiros, mas, como já disse, enough is enough.

Concluindo, gostei, mas mesmo assim, não achei nada de especial. Achei foi que acabou muito mal... não gostei do fim.

Livro favorito: #3 → Clockwork Princess
Classificação final da Trilogia: 2.5/3 ★★★☆☆

Ver outras críticas

Sem comentários:

Enviar um comentário